sexta-feira, 4 de julho de 2008

Dicionário Aberto (1)

Hoje gostava de vos falar de um projecto que não lembra nem ao Diabo. O Dicionário Aberto, pretende crescer como um dicionário On-Line da língua portuguesa, em que cada utilizador possa contribuir com correcções ou novas palavras, novas definições ou novas acepções.

Para aqueles que não sabem o trabalho que dá escrever um dicionário (e há pelo menos um leitor deste blogue que faz uma ideia muito precisa do trabalho envolvido), eu digo-vos que são anos de trabalho (árduo trabalho), a tempo inteiro.

No intuito de facilitar o processo de arranque do dicionário aberto, foi arranjado um dicionário da língua portuguesa, de 1913. A referência completa do dito dicionário é: Novo Diccionário da Língua Portuguesa de Cândido de Figueiredo. Como devem ter reparado pelo nome e pela data, o dicionário não é de todo novo. Mas a verdade é que muitas (se não todas) as definições continuam válidas, e o que é necessário, é a actualização da sua grafia.

Agora, o problema é: como passar um dicionário de 1913 para formato electrónico? E é aqui que este projecto não lembra nem ao Diabo! Em colaboração com o Projecto Gutenberg e a ferramenta por ele desenvolvida chamada Distributed Proofreaders, o dicionário encontra-se em processo de transcrição. Sim, transcrição manual!

Embora o processo de transcrição esta a decorrer sem grandes sobressaltos (No site, já se encontram palavras até à letra H. No distributed proofreaders já se transcreve a letra P!), gostava de aqui deixar um convite a todos os interessados, para ajudarem neste projecto. Como é que podem ajudar? Transcrevendo uma página por dia. Ou então, uma página por semana!

Para já deixo aqui o link para os Distributed Proofreaders, para que os interessados possam ir já ler e contribuir. Em todo o caso, pretendo muito em breve escrever de novo sobre este projecto, com mais detalhes de como contribuir.

3 comentários:

Pitux disse...

1) Que máximo! :)

2) Tens um erro em "portuguêsa".

3) E ganha-se alguma coisa por fazer esse trabalho?

Alberto Simões disse...

Obrigado pelo aviso. Erro corrigido. Ganhar, ganhar... ganhas conhecimento (afinal estás a transcrever um dicionário), por outro lado ajudas um projecto aberto. :)

alvaroiriarte disse...

Confesso que deixei passar alguns meses sem transcrever qualquer página.
Estava sempre a pensar que tinha que dar um saltinho po lá, mas nunca arranjava tempo…
Alguém, com conhecimentos sobre redes sociais, etc., não terá uma ideia genial para manter o entusiasmo do pessoal?