quinta-feira, 30 de abril de 2009

Mais traduções brilhantes

Esta tradução apareceu-me em spam. Daqueles e-mails enviados a simular que são os responsáveis pela gestão dos e-mails, e que precisam de renovar informação sobre as contas de correio. Infelizmente não sabem que eu sou o gestor dos meus próprios servidores de e-mail, e que portanto, sei que e-mail envio a pedir informação.. ou seja, nenhuns.

Mas vamos ao que interessa. Segue-se a tradução que não lembra nem ao Diabo. Acho que nem o babelfish ou google translate é capaz de fazer um serviço tão mau:
Caro dominio.pt de e-mail proprietário, dominio.pt esta mensagem a todos os proprietários de contas de e-mail. Estamos actualmente a melhoria da nossa base de dados e conta de e-mail center. Nós estamos apagando todos os fundos não utilizados e-mail conta dominio.pt para criar mais espaço para novas accounts.To evitar encerrar sua conta, então, ser alterado para que saibamos que é actualmente utilizada em conta.
O e-mail continuava. Mas prefiro poupar-vos a morrer de riso...

terça-feira, 28 de abril de 2009

Detergente para a Loiça

Pois, não lembra nem ao Diabo, mas estou a escrever este e-mail para pedir aos meus caríssimos leitores que partilhem comigo os detergentes que usam para lavar a loiça (e restante material de cozinha) à mão.

Por aqui por casa tenho usado Fairy. Mas sou sincero: detesto aquele cheiro. Parece que cheira mais a gordura do que a própria loiça...

Educação na Capoeira

No livro Novelas do Minho, de Camilo Castelo Branco, na história O Degredado podem ler-se os extractos transcritos abaixo. Achei-os deliciosos, e portanto, decidi partilhar. Já o fiz no "Línguas Aplicadas", o blogue de uma disciplina que lecciono na Universidade do Minho, mas, porque o conjunto de leitores não é necessariamente o mesmo, volto a transcrever.
Havia um grande dividendo de aves na capoeira daquela casa; os divisores éramos nós; o quociente era metade das galinhas para cada um. Fiz-lhe compreender ao padre com este símile de cozinha os mistérios da aritmética.

[...] Acrescentou que lera em certo autor antigo que a cabeça do homem tem três miolos e a mulher um.

Padre Francisco não me pareceu que tivesse os três perfeitos, teimando em dar crédito ao seu autor, depois que eu lhe mostrei anatomicamente o cérebro de uma galinha igual na estrutura e na forma ao de um capão que se comeu por amor da ciência. A instrução deste homem saiu-lhe toda da capoeira.

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Spam nada comprometedor

Pois, já sabemos que é habitual mails a forjar todo o tipo de informação. Mails da CGD a pedir dados, mails de gestores de correio, etc e tal.

Mas alguns têm imaginação. Um que recebi aqui há tempos pedia dados da CGD, do Millenium e de outro banco que agora não me recordo. Não lembra nem ao Diabo juntar todas estas instituições financeiras.

Hoje recebi um novo. Vejam noa imagem: WebSapo... de onde? Vodafone. Pois, sim, tem tudo que ver. Só faltava na mensagem referir o Clix :P

sábado, 11 de abril de 2009

Sacrifício

video
Parece que é sacrifício comer aquilo de que se gosta. É por estas e por outras que não ligo patavina à "Abstinência de Carne", tradição da Igreja Católica. É bom (e não coloquei aqui porque senão copiava toda uma reportagem que tem direitos de cópia da RTP) que logo de seguida alguém veio explicar o que realmente deve ser o sacrifício durante a Quaresma.

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Ai que belas traduções

Estas são as instruções de uma campainha sem fios comprada na típica "loja dos Chineses". Curiosamente estas brilhantes traduções continuam a existir em muitos produtos à venda em Portugal, e infelizmente não há fiscalização. É obrigatório que o produto tenha instruções em Português. Só não é propriamente necessário que essas mesmas instruções se percebam. E eu que conheço tantos tradutores a precisarem de emprego...

Confesso que me senti tentado a sublinhar os erros, mas ficaria com a imagem tão sobrecarregada que me pergunto se seria legível.

Não tenho paciência para aqui escrever todas as calinadas. Leiam e riam.

Depois, leiam a versão original (Inglesa), que com certeza também foi resultado de uma tradução automática.


É que.. não lembra mesmo! Nem ao mais vermelho dos diabos!