segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Toyota Auris... e Toyotas em geral

Bem, tinha colocado como hipótese extra, já que não estava contemplada na minha lista inicial, o Toyota Auris, especialmente a versão híbrida. Não, não é apenas porque gosto de gadgets e tecnologia em geral, mas porque também tenho alguma responsabilidade ecológica.

Aproveitando um amigo com um Auris (com mais de um ano) híbrido, fiz uma espécie de test-drive. Em relação à condução, e à parte do facto de o pé da embraiagem tentar carregar onde não existe, pareceu-me bastante interessante. Confesso-me, às vezes, demasiado nervoso a conduzir (no sentido de gostar de usar a caixa de velocidades), mas o facto de não ter mudanças, de todo, poderia não ser uma má ideia. O principal problema é que... tal como no Hyundai, sinto-me apertado. Não tanto, mas continuo apertado. Não gosto de, ao entrar e/ou sair do carro bater com as pernas no volante.

A parte gira é que fomos visitar a loja da Toyota, e aproveitei para entrar em vários modelos, incluindo não só o novo Auris, mas também um Prius, um Verso e um Yaris. E em todos eles me sinto apertado, sendo que o mais arejado é... o Yaris! que para além de não ter versão híbrida, é relativamente pequeno para o que quero...

Portanto, abandono mais uma marca, não por causa do preço, mas porque tem veículos desenhados para japoneses que, segundo consta, são minorcas....

1 comentário:

alvaroiriarte disse...

O novo Yaris tem versão híbrida: http://www.toyota.pt/new-cars/yaris/index.json

mas, para ti, seria mais um "3 lugares"