quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Cai-Cai, não cai!.. ou cai?

Ora, como rapaz tarado que sou, é claro que tenho todo o prazer em ver miúdas com Cai-Cai.

Infelizmente, o nome desta peça de vestuário é contra-intuitiva, já que ao contrário do que parece, não cai.

OK, é capaz de cair se o começarem a puxar, mas isso não é habitual.

O que me enerva nas miúdas a usar Cai-Cai é que não se rendam ao facto de que o Cai-Cai parece que cai, mas não cai. Patético é usar um Cai-Cai e passar todo o tempo a puxá-lo para cima.

Ou bem que se sentem bem com ele, ou não o usam.

É a mesma coisa que usar decote (ou blusa desabotoada) e estar sempre a puxar para cima, ou a fechá-la. Se não querem mostrar, comprem roupa tapada. Agora, não façam fitas...

2 comentários:

Pitux disse...

Vê-se logo que nunca usaste um cai-cai. Eu já tive um que caía mesmo. Aliás, caiu. Não caiu todo de uma vez, mas ia caindo. Daí ter de se estar sempre a puxar para cima. Depois comprei outro mais à medida e este é um espectáculo porque não cai. Nem preciso de estar sempre com essa preocupação.

Alberto Simões disse...

Eu era para te responder... mas achei que era indelicadeza. Daí que o meu único comentário é que tomaste a decisão correcta, comprar um suficientemente robusto :)
Beijinhos